Mídias digitais vão superar a TV em investimento em 2017

mercado-digital

Uma pesquisa realizada pelo IPG Mediabrands Magna revelou uma tendência para o próximo ano, a compra de mídia digital deverá superar a de TV, pela primeira vez, em 2017. 

O meio digital será o primeiro em publicidade, alcançando a marca de 40% do market share, que representa uma movimentação de U$ 202 bilhões no mundo.  

Já a TV deverá movimentar U$ 186 bilhões, alcançando apenas 36% do market share.

startup-photos-1

Mercado digital

A publicidade digital cresceu, e muito, em 2016, chegando a 17% e movimentando U$ 178 milhões. A empresa que realizou a pesquisa acredita que até 2020 a compra de mídias digitais cheguem a 50% e a TV fique estagnada nos 33%.

Observa-se também um cenário onde a verba para mídias sociais e mecanismos de busca estão impulsionando o mercado publicitário. 

“O Ressurgimento da televisão não veio às custas do digital”, disse Vincent Letang, vice-presidente executivo global de inteligência de marketing da Magna. 

“Ambos cresceram muito este ano porque os anunciantes estão fundindo gastos em mídias sociais e buscas ao realocar baixos orçamentos de offline, indo além de estratégias de branding com mídias de massa tradicionais. Ao mesmo tempo, para manter o alcance, anunciantes tiveram que encarar os aumentos de custos significativos em televisão”, encerra.

A pesquisa é muito mais do que uma previsão, é uma tendência que refletiu o comportamento do consumidor em todo o mundo. Hoje as pessoas passam mais tempo conectadas na internet do que assistindo TV, portanto é uma excelente oportunidade de investimento. 

Além disso, os valores empregados na compra das mídias são muito diferentes, no meio digital os valores são bem mais baixos.

 

Assinatura Blog_Nanda

Instagram lança “Modo História”

instagram_keyboard_app_take_pictures_photos_pics

Essa semana o Instagram lançou uma novidade que vai mexer com a cabeça dos apaixonados por redes sociais e também dos empresários. Agora a rede tem um recurso muito parecido com o que deu fama ao Snapchat, é o “modo história”. Esta novidade permite que o usuário publique fotos e vídeos que se autodestroem em 24 horas.
As imagens ficaram reunidas em um novo campo no topo do aplicativo e a liberação é mundial.

Divulgação-Instagram
No Instagram, estas publicações poderão ser vídeos ou fotos, como disse, e conter inscrições, emojis, desenhos e rabiscos manuscritos, porque há a possibilidade de você desenhar com canetinhas que ficam no alto da tela. Para criar uma delas, basta clicar no sinal de “mais”, posicionado também na extremidade superior esquerda do aplicativo.
As histórias das pessoas que você segue ficarão no topo da rede social e serão mostradas uma após a outra, como slides. Será possível avançar e retroceder as imagens, durante as 24h de “validade” da postagem, depois tudo some.

Será possível salvar o que você mais gostar e poderá compartilhar em outra rede, como o Facebook, por exemplo.

instagram_stories
Agora para alguns a falta de uma possibilidade deste recurso vai deixar muita gente triste, não será possível curtir ou comentar. Mas aguardem, tenho certeza que isto poderá mudar.
Quer saber mais um pouquinho, no perfil oficial do Instagram tem um tutorial muito bacana. Veja lá!

Utilização do clipping para monitoramento

Young Woman Working at Home, Small Office

Para começar, vamos retomar conceitos básicos para que você entenda o que vou falar hoje, assessoria de imprensa. Essa área da comunicação é exercida por um jornalista, formado, que tenha experiência em redações e que possa conduzir o relacionamento da sua empresa/produto/pessoa com a imprensa, através de envio de releases, organização de entrevistas e etc, etc, etc.. Assessoria de Imprensa é basicamente isso, para ser mais direto. Outro conceito importante é o de release, que é um texto jornalístico elaborado pelo assessor de imprensa com o objetivo de divulgar o negócio para qual ele trabalha. Sugiro que leia mais nosso outro post para entender melhor.

Bom, entendido isso, vamos seguir para o que é o objetivo deste post: o monitoramento de mídia espontânea. Esse monitoramento é o que chamamos tecnicamente de clipping ou clipagem. A ideia deste método é para dimensionar o alcance do trabalho da assessoria, através da percepção do que foi publicado. Mas, além disso, a clipagem te permite analisar a concorrência para uma atuação rápida e eficaz.

O clipping gera um relatório, esse relatório pode ter inúmeras métricas, vai depender de qual o assessor mais usa para mostrar como o trabalho está se saindo em termos financeiros. Outro fator é a observação, é possível, quando o veículo te possibilita isto, ver a repercussão daquele assunto através de comentários, de compartilhamentos, de curtidas. E não só a repercussão, mas o clipping te possibilita antecipar crises.

É importante que o clipping seja profissional para que você possa tomar decisões cada vez mais assertivas em relação ao seu negócio.

 

Assinatura Blog_Nanda

Dicas para uma boa Assessoria de Imprensa

5-Estratégias-de-Assessoria-de-Imprensa-para-aplicar-na-Comunicação-do-seu-Negócio

Já falamos em outro post sobre o que é mídia espontânea e a importância disso para o seu negócio, e hoje quero acrescentar que, para alcançar um bom resultado é importante seguir alguns passos que vou listar abaixo.

Profissionais

A primeira coisa é o time de profissionais que você contrata. Um profissional capacitado, com experiência e bom relacionamento com a mídia será imprescindível para que os resultados sejam alcançados.

Conteúdo

Já falamos em outro post também que enviar um release para a imprensa não é garantia de publicação ou divulgação, o conteúdo deve ser de interesse daquela mídia e do público dela. O conteúdo precisa ser relevante.

Mailling list

Ok! Você encontrou um bom profissional, alguém que consegue enxergar relevância no seu assunto, mas será que ele tem um bom mailing list? O mailing nada mais é do que uma lista contendo todas as informações sobre os jornalistas e os veículos para os quais os releases se destinam. Se o mailing estiver desatualizado, não chega ao destino correto.

Bom, ainda existem vários pontos a serem considerados, mas os principais são esses e é importante não negligenciar nenhum deles. A boa Assessoria de Imprensa necessita de profissionais para ser exercida e ela não se resume apenas em elaboração e envio de releases. Tome cuidado com os rumos que o relacionamento da sua empresa com a mídia está tomando.

Assinatura Blog_Nanda

Você sabe o que é mídia espontânea?

slide211

Na atual situação econômica do Brasil muitas empresas ficam retraídas na hora de divulgar seus produtos e serviços. Mas o caminho deve ser o contrário, agora está na hora de investir na imagem da empresa para que ela fique cada vez mais sólida e saia desta fase ainda mais fortalecida.

Uma das opções é o que nós da comunicação chamamos de mídia espontânea. Essa palavra soa como música aos ouvidos dos clientes, já que é a garantia de publicação em um noticiário, seja impresso, televisivo ou em rádio, de algo que a empresa está fazendo sem mexer no bolso. Mas mais do que isso, mídia espontânea é sinal de credibilidade. E chamamos de mídia espontânea por serem assuntos que geram interesse da população e são publicados espontaneamente.

Mas a grande questão é que, nem sempre, o assunto levantado pelo cliente como importante gera interesse. A mídia espontânea precisa ser algo de interesse do público, precisa ser algo que se destaca, algo que se diferencie. É importante que o profissional que atende este cliente tenha uma percepção do que pode ou não virar notícia e oriente o mesmo sobre isso. Fazer um release e enviar para a imprensa não quer dizer, necessariamente, que o assunto será utilizado.

Portanto, o que precisa ficar claro é que mídia espontânea é um fato que tenha noticiabilidade do ponto de vista jornalístico. Quer saber mais sobre isso? Então converse com a TRÊS LOBOS.

Assinatura Blog_Nanda

WhatsApp para empresas, saiba como usar

whatsapp

WhatsApp virou febre! Os usuários têm os mais diversos perfis e, independente disso, estão diariamente ativos. De ferramenta pessoal a ferramenta de trabalho, o aplicativo tem se mostrado extremamente versátil e útil. E por esse motivo que diversas empresas o estão utilizando como ferramenta de Marketing.

Tudo começou apenas como trocas de mensagens, mas as possibilidades de grupos e o número gigantesco de usuários permite uma gama maior ainda de possibilidades. Apesar disso, algumas empresas apresentam resistência em sua utilização, mas tudo é possível quando é usado de forma correta.

O WhatsApp oferece um quesito importantíssimo que é a praticidade. Como já disse, são milhões de usuários e, com certeza, seu cliente é um deles. Porque não usar, então, o aplicativo para mensagens rápidas, como informações sobre liquidações? É possível ainda conversas sobre assuntos relacionados aos seus serviços. Os clientes hoje querem respostas imediatas para os seus questionamentos e SAC em sites e etc. acabam retardando as respostas. Use e comprove a eficiência.

Você ainda pode criar grupos personalizados para fornecer conteúdo específico aos seus clientes. Mas cuidado com excessos porque isso viola os termos de uso do Whats app e isso acaba afastando os seus clientes.

Há ainda a possibilidade de fidelização dos clientes. Você pode enviar informações sobre produtos e serviços novos que são de interesse daquele cliente. Por isso é bacana segmentar os grupos de acordo com interesses, sexo, faixa etária e etc.

Quer saber mais sobre isso? A TRÊS LOBOS pode te ajudar!

Assinatura Blog_Nanda

Hello, se liga nessa novidade!

fun_of_games

Você é viciado em redes sociais? Então sinto te informar que você está longe de se curar! O criador do Orkut está na área, e agora com uma nova rede social, a HELLO…calma, a novidade só deverá chegar ao Brasil em agosto. Até o momento está disponível somente para Canadá, Austrália e Nova Zelândia.

Hello chega bancada por grandes investidores, inclusive o Google e como principal diferença é que o foco é em “amizades profundas”. Por enquanto a única forma de acessar é utilizando aplicativos móveis e os recursos são bem parecidos com o de outras redes. O bacana, ou não, desta rede é que quanto mais você interagir através de curtidas, comentários ou publicações o usuário gera pontos que vão desbloqueando conquistas, fazendo subir de nível e até resgate de recompensa. Já imagino que tem gente coçando para ver essa novidade!

 

Assinatura Blog_Nanda

Marketing e propaganda para autônomos

Além de jornalista, sou professora do ensino superior. No curso de Odontologia e Nutrição ministro a disciplina Comunicação Aplicada, que tem como objetivo ajudar os alunos a se comunicarem melhor, melhorarem sua oratória, as apresentações de trabalho e permitir que eles tenham maior sucesso em sua carreira. Dentro dessa ementa, em uma das aulas discuta com ambas as turmas a importância da divulgação do trabalho de cada um para atrair pacientes e clientes.

 

shutterstock_150620258

 

Para um profissional autônomo como um cirurgião dentista, nutricionista, médico e outros é muito difícil manter propagandas com veiculação frequente em televisão ou rádio porque o custo efetivo dessa ação é muito alto. Porém, há inúmeros canais mais baratos que podem ser utilizados para que esse marketing seja feito com sucesso. E as redes sociais são um exemplo claro. Além disso, é possível criar o que chamamos de Marketing de Conteúdo, no qual o profissional pode atrair o interesse dos clientes através de um blog, por exemplo.

 

Hoje em dia muitas pessoas buscam informações na internet e fazem isso através do Google. O Marketing de conteúdo propõe a criação de hábito de leitura nos interessados e ainda gera credibilidade. Mas não basta colocar um blog no ar e acreditar que as coisas vão acontecer, é preciso ter muitos cuidados para que ao invés de ser uma alavanca não se tornar um tiro no pé.

 

Quer saber mais sobre isso e como podemos ajudar na sua carreira? Venha para a Três Lobos e se destaque no mercado.

 

Assinatura Blog_Nanda

Importância do Profissional nas Redes Sociais

As Redes Sociais têm se tornado cada dia, mais e mais, em ferramentas de Marketing, Divulgação e um Canal de Comunicação com o cliente, posicionamento de Marca, Merchandising e por aí vai… porém como utilizá-la?

Primeiro é preciso repensar a forma como você posiciona sua marca dentro dessa ferramenta, cada rede social possui públicos distintos e ferramentas mais adequadas para compartilhamento de conteúdo. A mesma foto que é divulgada no Facebook pode não ter a mesma repercussão do Snapchat, e o vídeo disponibilizado que fez sucesso no seu canal do YouTube pode ser um fracasso total no Instagram.

Outra coisa importante de se lembrar é que redes sociais não são canais de TV ou redes de Rádio, acontece, mas raramente um conteúdo disponibilizado nos meios tradicionais pode ser disponibilizado na íntegra na web, deve-se criar conteúdos específicos para esses canais, e é importante que esse conteúdo seja muito bem pensado e elaborado, isso porque agora o objetivo não é só ser visto, a meta é ser CURTIDO, BEM COMENTADO e o mais importante, COMPARTILHADO.

Caso você não tenha percebido, voltamos a época da propaganda boca-a-boca, porém diferente de antes, deve-se presar não só pela satisfação de seus clientes, mas sobretudo se preocupar agora em satisfazer a opinião pública em geral. Essa semana tivemos o caso da ação da Heineken, vídeo muito elogiado, pois reuniu grande parte das ações necessárias para se obter sucesso nas Redes Sociais, porém a notícia no dia seguinte à publicação de que tudo não passava de armação, caiu como uma bomba, e os comentários antes superpositivos (eu mesmo comentei e compartilhei) agora são compartilhados numa percepção muito negativa e numa intensidade ainda maior do que antes.

 

Estamos vivenciando uma transformação muito grande na Comunicação Social, e acredite, muitas outras ainda estão por vir, a forma como lidamos com mídia hoje é bem diferente que há vinte anos atrás e possivelmente, muito diferente das que vivenciaremos nos próximos anos. As atenções migram não só de alguns meios para outros, mas também de muitos canais para outros. Dentro dessas mídias, o pessoal e público agora compartilham os mesmos meios e canais. O ORKUT e MSN que há pouco tempo eram evidências, agora já nem existem mais. O RECLAME AQUI, talvez, hoje tenha mais relevância que o PROCON e a GLOBO parece que a cada dia está se mudando da TV para INTERNET.

Bem, tudo muda e tudo está sempre mudando constantemente, apenas algumas coisas insistem em ser perenes nessa transformação toda, a VERDADE com que se transmite a informação, o RESPEITO, que refere-se ao cuidado que deve-se tomar para não julgar, denegrir ou fazer apologias (mesmo que intencionalmente), a RELEVÂNCIA disso junto ao público, a INTEGRAÇÃO para evitar denotações ligadas a imagem da sua marca e a CRIATIVIDADE para chamar a atenção e se destacar.

Uma profusão de profissionais e agências apareceram para trabalhar com comunicação na Internet, surgiram porque agora ficou “fácil”, “simples”, lidar com essas novas ferramentas. Na parte técnica devemos admitir que sim, facilitou muito. Hoje qualquer um pode manter uma fanpage, publicar e promover com uma tranquilidade absurda, mas para trabalhar com sua MARCA, promovendo-a com VERACIDADE, RESPEITO, RELEVÂNCIA, INTEGRAÇÃO E CRIATIVIDADE é necessário contar com mais um fator, ainda não citado na lista das situações perenes, o PROFISSIONAL de comunicação, único formado, instruído e credenciado para lidar não só com algo que aparenta ser fácil e acessível como uma rede social, mas trabalhar sobretudo com algo muito grande e importante, a sua IMAGEM.

 

Assinatura Blog_Saulo

Negócios em tempos de redes sociais

Em tempos de redes sociais todo empresário acredita que basta manter um perfil para que o sucesso do seu negócio seja garantido. Estar na rede virou sinônimo de ser conhecido. Errado! Não tem nada disso. Uma rede social mal gerida não resolve o seu problema de marketing e publicidade.

É importante contratar alguém que realmente entenda da gestão de redes sociais, que inclusive, vai além de postar fotos da fachada da empresa ou de seus produtos. É preciso monitorar os resultados, pesquisar o que está dando certo e o que está dando errado. A mecânica, postar e pronto, não funciona no mundo de hoje!

Para um post realmente ter alcance é preciso conhecer o público a quem se destina a informação, é preciso definir horários, é preciso definir padrões, ter um bom texto, e isto, definitivamente, é coisa de profissional.

 

Assinatura Blog_Nanda